s Dicas Para Controlar o Orçamento Doméstico

Dicas Para Controlar o Orçamento Doméstico

Orçamento Doméstico - Dicas de Controle

orçamento doméstico

Como Controlar o Orçamento Doméstico?


É natural que nesse momento em que o país vem passando por tantos desafios financeiros as famílias também estejam muito mais preocupadas em enxugar o orçamento. Para ajudar os meus leitores resolvi fazer esse post com dicas consistentes e fáceis de seguir.

Quando tomar a atitude de fazer o planejamento mensal e estar no controle da sua vida financeira irá notar que os primeiros momentos são de estudo, isto pode até ser um pouco chatinho, mas é muito recompensador, sendo que a partir desse momento é só fazer a inserção dos dados diários, ocupando pouco tempo na rotina.

1. Faça um planejamento dos gastos mensais


Sei que muitas pessoas acreditam saber tranquilamente todas as suas despesas, no entanto podem ter uma surpresa ao colocar tudo no papel (planilha).  Para fazer esse planejamento use como base os gastos que teve nos últimos 12 meses com as despesas básicas com aluguel/prestação do imóvel, condomínio, gás, luz, internet, telefone, cartão de crédito, alimentação, escola das crianças... Nunca é tarde para tomar as rédeas financeiras de sua vida.

2. Momento de redefinir as suas prioridades


Há um ano nós, brasileiros, vivíamos em uma realidade diferente, hoje precisamos mudar e rever as prioridades, sabemos que no melhor dos cenários, o país voltando a crescer hoje, ainda teremos um longo caminho para retomarmos os ganhos como estávamos acostumados. 

Veja o que realmente faz sentido nesse momento, ao fazer esse estudo inicial irá verificar que em algumas áreas poderá enxugar as despesas sem detrimento da qualidade de vida, estabeleça suas prioridades, temos que ter um norte para podermos nos direcionar, então mãos à obra.

3. Nunca compre por impulso


Parece óbvio esse conselho, acreditamos que fazer pesquisa de preços é algo somente para grandes compras, para eletrodomésticos, eletrônicos ou bens de consumo, não é bem assim.

Mesmo as compras mais rotineiras devem ser levadas para esse nível de comprometimento, pesquisas nos mostram que a maior fuga de recursos financeiros acontece com as compras diárias, os gastos com alimentação e lazer fora de casa, as compras mais simples podem acabar com o orçamento doméstico. Então pesquise, compare preços e analise se realmente é necessário fazer cada um destes gastos.

4. Momento delicado, negociação de dívidas


Não existe vergonha em ter perdido o controle dos gasto, somos humanos, erramos, as vezes o nosso emocional faz com que nos recompensemos com "presentinhos" que nos levam a gastar mais do que o próprio orçamento.

Crie coragem e faça a negociação de suas dívidas, parcele as faturas dos cartões de crédito, renegocie as dívidas antigas, imponha restrições aos gastos desnecessários. 

Jamais pense que está se punindo, pelo contrário, pense que está se presenteando, o que é verdade, quando começar a ter as quitações dessas pendências a sensação será de ter o poder sobre sua a vida restabelecido, e garanto, esse sentimento é muito maior do que o de satisfação momentânea que as compras por impulso trazem.

5. Esqueça as grandes aquisições nessa época


Para restabelecer as finanças e o orçamento doméstico é prioritário que evite gastos que seja necessário recorrer ao parcelamento.

Voltamos a ter que conviver com juros absurdos, então a regra para aquisição, de agora em diante, é não compre parcelado, poupe e compre à vista.

6. Guarde um valor mensal para emergências


Sim, os imprevistos existem, o ideal é guardar 5% dos rendimentos mensais para as emergências e urgências, se não as tiver, ótimo, é um valor que vai para o cofrinho e poderá gastar com algo bacana no futuro.

7. Compras rotineiras


Esqueça aquela rotina que tínhamos de irmos todas as semanas ao mercado, as compras devem ser feitas mensalmente. É chato? Sim, afinal ficamos "viciados em consumir".

Em apenas um mês você conseguirá incorporar essa rotina. E nem pensar em ir ao mercado sem uma lista pré definida e o estômago lotadinho. Ir com fome ou com a lista de compras na "cabeça" causam gastos superiores em até 40%, isto já foi provado, não faça o teste, acredite e fique com o dinheiro em seu bolso.


E como nem só de conselhos a vida é feita, vamos para um bônus. Estou disponibilizando uma planilha  do Idec (Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor), que considero a melhor na área de orçamento doméstico, faça o download e passe a utilizar.

Lembre-se de apagar a luz quando não há alguém no ambiente, lavar a louça com pouca água, verifique os gastos do condomínio, sabemos que alguns síndicos adoram torrar o dinheiro alheio e se o contrato de aluguel venceu renegocie, atualmente os aluguéis estão em baixa, aproveite! 


Espero que tenha dado alguma contribuição para que consiga sair do vermelho. Lembre-se de curtir nossas redes sociais, assinar o nosso feed na lateral do blog e fique por dentro das nossas atualizações.
COMENTE GOOGLE+
COMENTE BLOGGER

0 comentários:

Postar um comentário

Aguardo os comentários. bjs

Copyright © 2011 - 2017 Meus Dois Minutos