s Meu Bolso - Como economizar mesmo morando sozinho

Meu Bolso - Como economizar mesmo morando sozinho

Economizar Morando sozinho


Hey Amigos (as)! Que tal conseguir  economizar morando sozinho? Tem muita dica boa, papo sobre a minha vida e o futuro do blog. Mas o que importa mesmo é que essas dicas de economia para quem mora sozinho foram testadas pela pessoa que vos escreve e até que estão dando certo.
Economizar  Morando Sozinha

Então, faz um tempinho que venho apenas escrevendo sobre organização do lar, decoração de quarto de meninas e outros babados desse tipo... Pensaram que esqueci da seção bate-papo? Claro que não, é atualmente a que mais gosto e sinto prazer em escrever.

Talvez este blog mude tanto que acabe ficando mesmo e finalmente com cara de blog e apenas farei textos sobre pensamentos, filosofias, ideias que creio e um pouco menos sobre decoração e organização... É as pessoas mudam e um blog que existe desde 2011, entre idas (inicialmente muito mais idas) e vindas tem que amadurecer como a sua proprietária, ou pelo menos tentar, o que é mais a minha cara... Enfim, é só uma ideia, porque não sei se conseguiria ficar definitivamente sem fazer as buscas de achados para meus amados leitores. 

Lá vem... Faz um tempinho que comecei a finalmente amadurecer a ideia de que preciso tomar vergonha na cara e ser adulta, pelo menos em relação ao dinheiro, pelo menos tentar de verdade e venho assistindo uns vídeos bem bacanas, lendo livros e conteúdo de internet que agregam muito sobre o assunto, daí resolvi que quero ter uma seção aqui no blog sobre essa paradinha, aliás, essas paradinhas, dicas de como lido com a área financeira da minha vida e como poderiam fazer, caso quisessem. 

Hoje ela nasce, a seção, com o nome de Meu Bolso, espero que sejam dicas semanais, pelo menos quinzenais sobre o que podemos fazer de forma prática para melhorar o fluxo de caixa, mesmo para pessoas descapitalizadas como eu. Gente que ganha menos do que suas despesas e vive desesperada atrás de um milagre todos os meses... Que dramático, kkkk. 

Recontando um pouco sobre minha trajetória → É assim que vivo desde 2012 quando larguei meu empreguinho fofinho de diretora de conteúdo de um veículo de comunicação e resolvi ter algo meu, buscar meu sonho, deixar minha marquinha sem ser pelas mãos (empresa) de outrem. 

Existem meses que tudo dá muito certo e meses que a coisa fica ruim e a família berra muito, mas não quero desistir, sei que é difícil viver de conteúdo, de comunicação e marketing, ser escritora e jornalista, mas amo a comunicação, creio que ela, quando bem utilizada, válido pra o marketing também, é uma excelente ferramenta de transformação e assim vivo.

Bom, vamos às dicas que separei para dar um up na sua conta bancária, tem dado certo pra mim. É possível economizar morando sozinho sim, mesmo que seja desmiolada como eu, hehe \o/

Como economizar morando sozinho

→ Caderninho, planilha ou App, você precisa ter um desses e utilizar para colocar todos os gastos, da balinha que comprou do menino "Pra dar uma ajuda" ;), as contas fixas e as eventuais, tudo tem que ser contabilizado para conseguir fazer economia mesmo morando sozinho.

→ Não sair para locais que tenham tentações gastronômicas ou qualquer comidinha se estiver com fome, frustrada ou cansada e se misturar apenas dois desses ingredientes aí nunca que consegue economizar. Quando estamos com um ou mais desses itens não somo nós que estamos no comando, mas um ser que se apossa do nosso corpo, tem ideias esquisitas e ódio por dinheiro, aliás nem liga se tem ou não dinheiro na conta bancária, ele só quer gastar, gastar e gastar, todo o cuidado é pouco.

→ As listas são as melhores amigas, lista do mercado, lista de compras do shopping, shopping é meio loucura, no máximo o mercado popular de sua cidade, como aqui em São Paulo temos o Bom Retiro. Mas vá com calma, é bem possível passar 4 meses sem comprar uma só peça de roupa e ainda ser feliz.

→ Tenha outra lista bem clara que na verdade tem duas colunas, a do desejo de consumo imediatos, algo que não dá para ficar sem, olha isso tem que ser de verdade, se acha que não dá pra ficar sem comprar um sapato que está na moda, uma barra de chocolate porque tem TPM, de boa, você precisa de algo mais radical como um psiquiatra, talvez psicólogo. Voltando A primeira coluna são os bens mais baratinhos, mas que realmente não dá para ficar sem e a segunda é aquela coluna mais importante os grandes desejos que serão separados por daqui a 90 dias, 180 dias, 365 dias e os masters, desejos para 5 anos, como a casa própria. Sempre que começar a perceber que irá fraquejar dá uma olhada no porquê você tá vivendo essa vida de monge, sem quase consumir, é o bem maior, na real, vários bens maiores.


→ Não faça refeições fora de casa, barzinhos e restaurantes devem ser cortados, se for encontrar com os amigos e sua casa não for o local mais adequado, então como antes, assim o "ser estranho dominante" não se apossa de você.

→ Vamos a uma outra questão delicada, tudo que você é assinante é essencial? Será que precisa de Netflix e TV a cabo? Será que precisa ser sócia de um clube e pagar a mensalidade da academia, alias seu condomínio não tem uma academia? Tá não deve ser a mais completa do mundo, mas você também está longe de ser a miss gym, fala sério. Bom senso.

→ Não empreste dinheiro para amigos, familiares, irmãos, só para a mãe a gente abre exceção e mesmo assim que seja pouquinho, seja urgente/emergencial e que tenha data correta de devolução.

→ As contas devem ser pagas antes do vencimento, na data no máximo, jamais atrasadas, como pretende economizar morando sozinho sem sequer conseguir respeitar a agenda de compromissos financeiros? Ai ai ai, se estiver com contas atrasadas, como menos, apague as luzes do cafofo, gaste menos com xampu, roupas e bobagens, mas coloque-as em dia, assim economiza os juros e multas. 

→ O mesmo vale para faturas do cartão de crédito, parcele, sei que ninguém quer entrar em contato com o sofrimento e ligar para as empresas de negociação e tentar um acordo parece que machuca fundo, mas o que machuca fundo é ficar devendo por aí e deixando a dívida rolar como se não houvesse amanhã, há e o pior sempre chega meio casca grossa com quem é sem noção!

→ Se não mora próximo ao emprego, mas tem um bom relacionamento por lá, está a mais de 2 anos nele, claramente está envolvido em muitos projetos e seu chefe dá um bom feedback a seu respeito, pense em mudar para próximo do emprego. Economizar isso pode parecer estranho, mas não é não, o que gastamos com o carro porque moramos mal é algo a colocar no papel ou planilha.

→ Se mora de aluguel, veja se está pagando algo razoável pelo que tem, se de repente chamar alguém para morar contigo e dividir as despesas pode ajudar a sair do vermelho sem ter que apelar para a família.

→ Será que tudo que tem por aí acumulado realmente ainda precisa? Se não vamos vender? Tem tanto site bom pra fazer isto, OLX, Enjoei, Comunidades do Facebook, enfim, faça dinheiro com o que está encostado.

Para finalizar, quando tiver com as pendências resolvidas, comece a economizar de 5% a 10% do que você ganha, pegue essa grana e invista, no começo deixe na poupança mesmo, até ter um mínimo como 500 ou mil reais e aí passe a investir.


Tem investimento que é seguro, não apresenta risco, como investir no Tesouro Direto e lembre-se de manter uma margem de segurança mensal (dinheiro mesmo) para eventos urgentes como doenças e outras questões. Verá sua conquista, seu prêmio, que é economizar mesmo morando sozinho e deixar os amigos orgulhosos. Você vai virar consultora financeira de seus conhecidos.

❥ Continue conosco, alguns posts que pode gostar

Se gostou compartilhe com os amigos e inscreva-se no FB | IG ou no blog ali ao lado. Obrigada pela visita. Até a próxima!
Saiba sobre como economizar no blog Me Poupe
COMENTE GOOGLE+
COMENTE BLOGGER

0 comentários:

Postar um comentário

Aguardo os comentários. bjs

Copyright © 2011 - 2017 Meus Dois Minutos